Extra FIQ 3

 

Wooow!! E não é que as coisas deram certo?!

 

O 7º FIQ – Festival Internacional de Quadrinhos de Belo Horizonte foi uma das coisas mais exaustivas – e principalmente – sensacionais da qual nós já participamos. Muitas coisas deram certo como nós queríamos e várias outros deram certo de forma que não poderíamos nem imaginar. O estande dos Pandemônios esteve completamente lotado o tempo todo! Os lançamentos do Quadrinhos Rasos foram super bem recebidos! E a isso temos só pessoas a agradecer.

Bruno Ito: Veio lá de Roraima para cá só para ajudar a gente com tudo!! E como ajudou! O Ito é o máximo, information pills
e o melhor cara para se trabalhar junto desse planeta. Quando ele foi embora, Sildenafil
ontem, choveu pela primeira vez em vários dias aqui. Era Belo Horizonte chorando com a saída do Bruno Ito. E quem deu a sorte de poder curtir o pocket show dele pôde ver em primeira mão o tanto que ele é o máximo.

Todos os Pandemônios: Daniel Lima, Daniel Werneck, Lu, Ricardo e Vitor. Vocês que estão tão cansados quanto a gente são as melhores pessoas para se trabalhar, conviver e conhecer de todo o mundo. E vamos para frente que agora tem mais coisa para se fazer! “Pandemônio, Pandemônio, menos Panda, mais Demônio!”

Mitie, Yasmin e Lídia: A galera da Itiban Comic Shop salvou a nossa vida! Mesmo! A gente brincava que sem elas lá o estande dos pandemônios teria pego fogo no primeiro dia, mas era bem capaz de acontecer isso mesmo. Isso sem nem somar a simpatia dessas três garotas maravilhosas, eficientes e super pacientes com a nossa inexperiência. A Yasmin e a Lídia sempre com um sorriso atendendo todo mundo, ajudando a gente sempre e a Mitie orquestrando aquilo tudo de forma magistral foi lindo de ver!

Crumbim e Eiko: O casal mais simpático e competente que nós já vimos. Duas pessoas sensacionais que gostaríamos de reencontrar o mais rápido possível.

Sidney Gusman: Uma figura sensacional, sem dúvida. O Sidney é uma pessoa extremamente receptiva e agradável de se ter por perto! Foi um prazer os momentos que deu para conversar com ele, e já esperamos pelos próximos. Desde que mandamos o primeiro email sobre o projeto ele ajudou a divulgar e deu muito apoio à iniciativa. Então muito obrigado mesmo. E pudemos apertar a mão do Mauricio de Sousa, um momento inesquecível poder cumprimentar a pessoa que ensinou a gente a gostar de quadrinhos.

A galera dos estandes: Muita gente, mas muita gente mesmo foi no FIQ. Não dá para colocar todo mundo, mas foi o máximo conhecer tanta gente interessante e competente. Não podemos deixar de citar todo o pessoal da EP, do 23 e meio e do Trapezistas (a gente ainda acha Nave da Xuxa um nome melhor). Vocês são demais, quadrinistas competentes e pessoas incríveis.

Os convidados internacionais: Eita povo simpático! Dá até raiva ver gente que você sempre olhou debaixo para cima não ter um pingo de arrogância. Pelo contrário, eram extremante abertos para conversas, mesmo com as barreiras de linguagem. E nós do Quadrinhos Rasos ainda tivemos a chance de desenhar com o Cyril Pedrosa e o Olivier Martin!!! As pernas não pararam de tremer até agora!!!

A organização do FIQ: Que conseguiu comportar milhares de pessoas no maior evento de quadrinhos da América Latina!!! E tudo sem nenhuma explosão ou ataque de monstros gigantes!! Dava para se sentir completamente seguro quando os braços que te apoiavam eram de pessoas como o Daniel Werneck, o Afonso Andrade e toda equipe deles. E também agradecer a eles e ao André Teixera pela linda exposição que  montaram para a gente!!

Os nossos amigos e famílias: Vários de vocês foram lá dar a maior ajuda para a gente! E foi super legal isso! Um agradecimento especial a Marília, que fez todos os Cervantes de Pelúcia na maior correria e mal pode ir no FIQ; a Luísa Lopes que ficou montando caderninhos para gente na maior boa vontade; ao Matheus Dias que ficou na correria com a gente na produção do album e dos brindes; ao Leandro Damasceno que salva a vida do irmão e dos amigos do irmão constantemente; e ao Dário Mendes que ia lá mais para ajudar a gente a sobreviver do que a qualquer coisa.

E principalmente a todo o público! Como o Daniel Werneck disse, “o que define que o FIQ foi um sucesso é o público que foi nele”. E como vocês foram!!! Mil obrigados a todos que já conheciam o Rasos, aos que conheceram lá e aos que ainda vão conhecer! Vocês são demais, e a gente faz isso para vocês, torcendo para que gostem! Vocês fazem essa onda de fazer quadrinhos ser um negócio divertido, e enquanto for divertido, nós vamos continuar fazendo!!

 

Um grande abraço,

Eduardo Damasceno

Luís Felipe Garrocho

 

ps: quem comprou o Achados e Perdidos pelo catarse e não teve como buscar no FIQ pode ficar tranquilo, estamos ajeitando tudo para envio essa semana, até o final do mês esperamos que todos estejam enviados! Mais uma vez muito obrigado pelo apoio!!!

 

 

Esta entrada foi publicada em Achados e Perdidos, L1656, Pandemônio. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

9 respostas a Extra FIQ 3

  1. Marcelo Nery disse:

    Parabéns pelo trabalho de vocês! Foi muito bacana conhecê-los. O livro é ótimo e as músicas excelentes para o mesmo, mas descobri que são boas também para ouvir no trânsito de BH todos os dias de manhã às 7h no Anel Rodoviário indo para a PUC São Gabriel, no mesmo engarrafamento de sempre… Abraços! Nery.

  2. Denis Mello disse:

    Caras, vocês ownaram no evento, seu stand tava fodão, foi lindo pra todos nós!
    Beijos e bacons!

  3. Pedro C. disse:

    Emoção ver o nome do Trapezas ( ou seria nave da Xuxa?) aqui!
    Valeu galera! Alias, achados e perdidos é foda, um dos primeiros que eu li dos que comprei no FIQ.

    Abração!

    Pedro

  4. ito disse:

    Quando é o próximo FIQ? Semana que vem? Posso comprar a passagem pra BH?

  5. Samuel disse:

    Foi realmente um evento incrível. E o selo “Quadrinhos Rasos” tem tudo para ser referência em quadrinhos no Brasil e no mundo. Vocês vão longe!

  6. Paula S disse:

    UUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHUUUUUUUUU [3]

    Sério, completamente lotado?! Completamente lotado é pouco… Aquele estande desafiou todas as leis da física clássica, MESMO. Era sem dúvida a maior concentração de pessoas naquela Serraria.

    Somando mais um agradecimento muito especial às meninas do Lady’s Comics, que são de fato ladies. Como vocês conseguiram manter tanta simpatia naquele stande quente, suas lindas?

    Obrigada denovo a organização, fazendo milagres sempre…

    E por fim obrigada a vocês dois, por terem feito uma HQ muito foda, por terem uma exposição muito foda no FIQ e por terem esse blog ainda mais foda…Parabéns!

  7. Foi sensacional! E vocês mereceram muito todo o sucesso!
    Parabéns pelo trabalho maravilhoso e pelo carinho e dedicação!
    Vocês são demais!!! Merecem tudo de bom que conquistaram e tudo de melhor ainda que está por vir! 😀

  8. miguel rude (@miguelrude) disse:

    UUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHHHHHUUUUUUUUUU
    PARTE 2

  9. gabs disse:

    acho que nesses momentos bonitos e emocionantes só existe uma coisa a ser dita: UHUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUL!

    parabéns! foi sensacional!
    :*

Os comentários estão encerrados.